sábado, 17 de setembro de 2016

FIQ Jovem - Aula 15 (Construção de personagem)

Nenhum comentário
Alou! Não, eu não me esqueci das aulas, nem de atualizar aqui. Esse mês está sendo doidão na minha vida, e muita coisa ta mudando aqui na minha rotina.



E é claro que continuo fazendo as 138123819379 coisas de sempre. Tenho de atualizar aqui sobre o Desafio Coord (que foi lindo!), A leitura de Cain, de José Saramago, Nós, Os Afogados, Os Dez Mil Imortais e sei lá quais outros livros (comecei O Rei Negro hoje! Ta prometendo na introdução). Tem também a compra das minhas primeiras Copics, minha construção de uma tabela de freelas, sobre a montagem de uma escrivaninha que comecei e um projeto de costura novo.

Mas isso fica pra quando eu tiver tempo de escrever com mais calma. Pra hoje, venho atualizar sobre a aula do FIQ e a continuidade das postagens dos quadrinhos. Aproveito para fazer um menu com todas as postagens de aula até agora:

Aula 1 (Introdução e tirinhas)

Aula 2

Aula 3 (gêneros e quadrinhos)

Aula 4 - (Brainstorm e produção)

Aula 5 (layout)

Aula 6 (Mais layout)

Aula 7 (Layout de novo, mas com emoções) 

Então vamos lá com a aula 15.
O tema de hoje foi todo voltado para a concepção de personagens levando em consideração coerência, forma, personalidade etc.

Uma das coisas mais legais foi a respeito de formas geométricas na construção da personagem, coisa que eu não consigo fazer ainda. Se o rosto não for ligeiramente redondo eu já começo a achar estranho. Ta aí mais uma coisa pra treinar.

 Acho que essa imagem é ideal para resumir o que vimos hoje:
Fonte: http://www.characterdesignpage.com/resources.html

Para leitura de referência, ficaram:
(Não conhecia nenhum dos dois!)

  1. Tom Gauld
  2. Cuttlas

Na segunda parte da aula tivemos a visita da Rebeca Prado (aquela de quem eu já comprei todos os lançamentos até agora) e ela nos falou um tanto sobre os arquétipos de Jung (lembra desse cara nos meus posts durante a faculdade? Claro que não, era em outro blog.) e sobre a importância da cara de pau de chegar nesses eventos de quadrinho oferecendo sua produção pras pessoas pra formar rede de contatos.

Tenho certeza de que já falei a respeito aqui no Blog, né? Na área literária é a mesma coisa. Saber socializar e saber chegar nas pessoas assim nessas feiras faz toda a diferença (não foi assim que o Caldela conseguiu avançar na carreira de escritor?). E se tem algo que preciso superar é isso. Geez! Como chega numa pessoa falando essas coisas? uahhuauha vou ter de me drogar no dia pra conseguir algo assim.

 ENTÃO,

O dever de hoje era levar as suas páginas finalizadas. Acabei levando a da história da menina Kamikaze (que levou a semana inteira pra ficar pronta):


Vou deixar pra falar do processo outro dia (tenho mil prints pra isso), mas já aviso que chegar nesses cores aí foi a maior tentativa e erro da vida da colorização.

Enfim, tive de refazer o quadro do meio, e tá ficando assim:

Algo melhor, né?
Vou tirar uns dias pra treinar perspectiva. Ô coisinha difícil de absorver, viu?!

E olha que interessante; O primeiro layout da história dessa personagem era idêntico ao layout final dessa versão de agora:


Ufa! 'Orz
A semana agora é para finalizar as próximas páginas e adiantar as 9dades que virão para esse último trimestre.

Até lá!

Nenhum comentário :

Postar um comentário